A cárie dentária é uma doença com etiologia multifatorial que se manifesta em forma de lesões (dentárias) devido à perda de minerais do dente.
A perda de minerais acontece em decorrência do consumo frequente de carboidratos. Para que uma pessoa apresente cárie ela precisa consumir estas substâncias em alta frequência além de não escovar adequadamente os dentes.

Ou seja, o tratamento da doença depende do controle alimentar no dia a dia. Já as lesões dentárias são tratadas pelo dentista, restaurando os dentes. É necessário entender que se os hábitos não forem corrigidos, novos dentes apresentarão lesões de cárie.

Os fatores etiológicos da doença cárie constituem-se de:

Hospedeiro: Dentes e saliva.
O dente é o local onde a doença de manifesta (Lesões de cárie).
A saliva possui a capacidade de neutralizar os ácidos produzidos pelos microrganismos cariogênicos (capacidade tampão), além de proporcionarem lavagem e limpeza das superfícies dentárias, interferindo no processo de desenvolvimento das lesões de cárie.

Microrganismos: As bactérias cariogênicas são capazes de aderir às estruturas dentárias, produzir ácidos a partir da fermentação dos carboidratos da dieta (acidogênicas) e sobreviver em meio ácido (acídúricas).
Dentre elas estão: Streptococcus mutans, Streptococcus sobrinus e Lactobacillus.

Dieta: a dieta exerce, principalmente, um efeito tópico na etiologia da doença, ou seja, sem a sua pres
ença, não há desenvolvimento da doença, pois os microrganismos cariogênicos necessitam da energia proveniente da sua fermentação para sobreviver. A frequência da ingestão e a consistência dos carboidratos também interferem.

Tempo: os três fatores anteriormente citados, quando associados, necessitam de um período de tempo para favorecer o desequilíbrio e resultar na desmineralização dos dentes.
Além dos fatores que determinam a ocorrência da doença cárie (interação entre hospedeiro, dieta, biofilme e tempo), fatores sociais, econômicos e comportamentais, também podem influenciar o seu desenvolvimento. Em odontopediatria, o comportamento dos pais e responsáveis, está diretamente relacionado à ocorrência da doença nas crianças.

Diagnóstico das lesões de cárie
Clinicamente, as lesões de cárie podem ser diagnosticadas em estágios iniciais (lesões localizadas em esmalte) e em estágios mais avançados (lesões localizadas em esmalte e dentina, que podem se estender até o canal do dente).
A figura 1 apresenta dentes decíduos (popularmente chamados de dentes de leite) anteriores saudáveis, ou seja, sem a presença de lesões de cárie. Enquanto que as figuras 2 e 3 apresentam dentes decíduos com a presença de lesões de cárie em diferentes estágios e atividade.

 

Carie dentaria - Figura 1 Dentes deciduos higidos

Figura 1- Dentes decíduos hígidos
Dentes hígidos = ausência de lesões de cárie

Carie dentaria - Figura 2 Dentes deciduos com lesoes de carie em estagios iniciais

Figura 2- Dentes decíduos com lesões de cárie em estágios iniciais

Carie dentaria - Figura 3 Molar de leite com lesao de carie

Figura 3- Molar de leite com lesão de cárie

 

Um fator importante que deve ser considerado é que a cárie pode ser prevenida, controlada ou mesmo revertida. O tratamento da doença cárie visa restabelecer o equilíbrio e a saúde bucal do paciente por meio do controle dos fatores causadores, como remoção da placa bacteriana, educação e instruções de higiene e dieta, além da aplicação de flúor. É preciso se atentar aos hábitos e estilo de vida do indivíduo, bem como ao seu estado geral de saúde. Quanto ao tratamento das lesões cariosas, ao contrário do que era preconizado no passado, o mais utilizado é o da mínima intervenção, preservando o máximo de estrutura dentária sadia e sendo o mais confortável possível ao paciente. Os diferentes estágios de progressão das lesões, bem como a sua atividade, requerem diferentes condutas de tratamento.

“Em nenhuma circunstância as informações aqui publicadas substituem a consulta com o odontopediatra”
“Para mais informações procure sempre o seu Cirurgião Dentista e realize uma consulta presencial antes de qualquer iniciativa”

CompartilharShare on Facebook

Comentários

CategorySem categoria

Tradução »